Notícias

Governo entrega produtos de ajuda humanitária a municípios atingidos por cheias

26/03/2018 - Wherbert Araújo/Governo do Tocantins

Em resposta às situações emergenciais registradas com a intensificação do período chuvoso, o Governo do Estado, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, realizou na manhã deste sábado, 24, a entrega de produtos de higiene pessoal, alimentos e utensílios domésticos a seis municípios do Vale do Araguaia atingidos pelas cheias. Na ocasião, a vice-governadora Cláudia Lélis entregou dois veículos Auto Bomba Técnico Florestal (ABTF) ao Corpo de Bombeiros, para atuação no combate a incêndios florestais. Mais outras três unidades serão entregues em breve.

Questionada sobre a cassação do seu mandato e o do governador Marcelo Miranda, a vice-governadora ressaltou que o acórdão da decisão ainda não foi publicado. “Vejo com muita preocupação essa decisão que foi tomada e estamos aguardando a publicação do acórdão para que possamos tomar as medidas jurídicas cabíveis. Eu vejo com muita preocupação para o Estado toda essa situação que reflete diretamente na população do Tocantins. Por isso mesmo que nós estamos aqui hoje, dando continuidade à nossa agenda, por que o governo não pode parar e nós estamos aqui justamente para atender essas famílias que necessitam da nossa ajuda”, afirmou.

Segundo o superintendente estadual da Defesa Civil, o major bombeiro Diógenes Madeira, as ações realizadas nos municípios de Cristalândia, Dueré, Formoso do Araguaia, Lagoa da Confusão, Pium e Santa Rita são decorrentes da mobilização com o governo federal, por meio da Secretaria Nacional de Defesa Civil. “Já realizamos uma reunião prévia com os municípios atingidos pelas cheias e agora estamos providenciando a entrega destes produtos”, afirmou, ressaltando que o município de Recursolândia, na região centro-norte do Estado, também foi afetado pelas chuvas e deverá receber toda a atenção da Defesa Civil. “Imediatamente quando fomos informados, já destinamos uma equipe para o município. Até o momento, temos informação de 20 famílias atingida”, concluiu.